Dedé Pederneiras

Qual o segredo do sucesso de André Pederneiras?

Treinador de campeões como José Aldo, Renan Barão e Dudu Dantas, o líder da Nova União conhece tudo, entre outras coisas, porque já esteve lá dentro do octagon.

Foi há 15 anos. Com cara de mau, muito ímpeto e um estilo explosivo, o faixa-preta de Carlson Gracie lembrava muito o estilo de seus pupilos de sucesso.

Apesar da carreira profissional ter sido curta, Dedé Pederneiras (1v, 1d, 2e) fez ótimas lutas e chegou a disputar o cinturão do meio-médios do UFC, contra Pat Miletich. Dedé se credenciou a disputar o cinturão após nocautear Rumina Sato, no antigo Vale-Tudo Japan.

Pederneiras, que lutava no peso leve, teve de subir para os meio-médios para disputar o título, já que sua categoria ainda não existia no Ultimate. Confira no vídeo ao lado a luta de Dedé Pederneiras contra Rumina Sato, em outubro de 1998. Levava jeito ou não levava?

CARREIRA COMO TREINADOR

Um dos melhores treinadores de MMA do planeta, Dedé Pederneiras alcançou no ano de 2015 a marca de mil lutas, como treinador. Com muitos lutadores estando sob sua tutela, o ‘head coach’ da Nova União diz estar muito complicado dar atenção igualmente para todos. Devido a fatores como estes somado ao desejo de passar mais tempo com a família, Pederneiras decidiu que irá se aposentar da função de ‘córner’, e agora dedicará mais tempo à função de empresário e também de consultor da equipe Nova União.